segunda-feira, 20 de maio de 2019

Visita dos embaixadores juniores à Embaixada da República Checa


Na sequência da participação na Cimeira das Democracias, os nossos embaixadores juniores foram convidados pelo senhor Embaixador da República Checa, Petr Selepa, para realizarem uma visita à respetiva embaixada. 

Durante a visita os nossos alunos ficaram a saber mais sobre a história do país, sobre os momentos em que a história da República Checa se cruzou  com a história de Portugal, além de satisfazerem a sua curiosidade dobre a carreira diplomática.



Entrega de placas e diplomas às Escolas Embaixadoras do parlamento Europeu


O Programa “Escola Embaixadora do Parlamento Europeu” envolve escolas dos diferentes estados Membros da União Europeia e tem por objetivo criar uma rede de escolas, professores e alunos em interação com o Parlamento Europeu, os seus deputados e os gabinetes de informação.

A fim de se tornarem parte integrante da rede, as escolas levam a cabo atividades pedagógicas que visam sensibilizar para a democracia parlamentar europeia e para os valores da cidadania europeia.
No presente ano letivo, a nossa escola foi uma das 62 galardoadas a nível nacional com o distintivo de Escola Embaixadora do Parlamento Europeu (EEPE), um reconhecimento do Gabinete do Parlamento Europeu em Portugal atribuído anualmente aos estabelecimentos de ensino que, ao longo do ano escolar, tenham desenvolvido atividades que contribuam não só para a consciencialização dos jovens sobre as possibilidades que lhes oferece a cidadania europeia, mas também para o  papel que o Parlamento Europeu desempenha no processo de decisão europeu e por conseguinte, nas nossas vidas quotidianas.O trabalho foi, ao longo do presente ano letivo, organizado pelo Clube “Ser Europeu” coordenado pelas professoras Paula Valente e Susana Simões, dinamizado pelos embaixadores juniores do programa EEPE e divulgado neste blogue.

Parabéns a todos!






sexta-feira, 17 de maio de 2019

Eleições Europeias 2019



“Temos de mudar a Europa e torná-la mais eficaz, respondendo às preocupações dos cidadãos e baseando-nos no que já conseguimos”

Presidente do Parlamento Europeu,  António Tajani

As eleições europeias em maio de 2019 terão um impacto direto na nossa vida. Decidirão como a Europa atuará nos próximos anos para dar resposta às nossas questões. Uma vez que a Europa é de todos nós, devemos tomar decisões em conjunto.  As eleições europeias ocorrem de 5 em 5 anos, tendo tudo começado em 1979.


Ler mais.

quinta-feira, 9 de maio de 2019

Portugal no contexto europeu


Neste Dia da Europa, é importante comparar Portugal com a União Europeia  a partir dos indicadores  no quadro-resumo da Pordata:


Nenhuma descrição de foto disponível.

O Dia da Europa na ESAG

Parabéns União Europeia, por mais um  Dia da Europa,  um dia especial comemorado num contexto difícil, com desafios que testam a coesão e unidade desta comunidade de Estados. O Brexit,  a  migração, o desemprego, a segurança nas fronteiras, o terrorismo,  a globalização são questões desafiadoras que determinarão o futuro caminho da UE.
Na nossa escola esta semana ficou marcada por um conjunto de atividades dinamizadas pelos embaixadores juniores: exposição de trabalhos, jogos para aplicar em sala de aula, partilha de saberes europeus com os alunos de 9º ano. 








Para hoje estava planeada uma atividade que as condições atmosféricas não permitiram realizar. O Peddy Paper teve de ser substituído por um Quiz aplicado na sala de aula pois a chuva não deu tréguas durante a manhã.



Desta vez eu voto....

Dia 26 de maio... desta vez vamos todos votar!


Dia da Europa


O dia da Europa, também designado por dia da União Europeia (UE), é o dia em que se comemora a proposta para a criação de uma entidade europeia supranacional, sugerida pelo estadista Robert Schuman, inspirado por Jean Monnet.


Este dia, juntamente com a bandeira, o hino, a divisa e o euro, simboliza a identidade comum da União Europeia.
Em 1951, França, Alemanha, Itália, Holanda, Bélgica e Luxemburgo uniram-se na CECA (Comunidade Europeia do Carvão e do Aço), a primeira organização supranacional para gerir o carvão e o aço (base do poderio militar e do desenvolvimento industrial). O objetivo era essencialmente económico e foi traçado e defendido pelo ministro dos Negócios Estrangeiros francês, Robert Schuman, de origem luxemburguesa, cinco anos após o fim da Segunda Guerra Mundial. Contudo, havia também uma intenção política: reunir os diferentes agentes económicos da França e da Alemanha para reduzir o risco de conflitos no futuro.

O aprofundamento da integração económica destes países levou á criação da Comunidade Económica Europeia, com a assinatura do Tratado de Roma em 1958.
As esfera de ação desta comunidade de estados foi aumentando cada vez mais. O Ato Único Europeu de 1985 fixou o objetivo de criar um único mercado comum, o Tratado de Maastricht em 1992 fez nascer a União Europeia e abrir portas para a atual União Económica e Monetária.

A União Europeia atravessa um momento desafiador: o Brexit, o aumento do populismo, o crescimento dos partidos de extrema-direita nas eleições preponderantes para o futuro da UE… uma história que começou, mas que não se sabe como acaba e se acaba.

João Graça e Pedro Guerreiro, Embaixadores Juniores do Programa EEPE

Visita dos embaixadores juniores à Embaixada da República Checa

Na sequência da participação na Cimeira das Democraci as , os nossos embaixadores juniores foram convidados pelo senhor Embaixador da Rep...